terça-feira, novembro 28, 2023
In√≠cio ¬Ľ Ex-senador Telm√°rio Mota √© encontrado e preso em Goi√°s

Ex-senador Telmário Mota é encontrado e preso em Goiás

por Ricardo Souza
0 Coment√°rio

O ex-senador Telm√°rio Mota foi preso na noite desta segunda-feira (30), na cidade goiana de Ner√≥polis. A pris√£o foi confirmada nesta ter√ßa-feira (31) pelo delegado Jo√£o Evangelista, que conduz a investiga√ß√£o no √Ęmbito da Delegacia Geral de Homic√≠dios. Ele √© alvo da Opera√ß√£o Ca√ßada Real, deflagrada pela Pol√≠cia Civil de Roraima (PCRR).

Telm√°rio √© suspeito do assassinato de sua ex-companheira Ant√īnia Ara√ļjo Sousa, 52 de idade, com quem teve uma filha. Segundo os investigadores, ela foi morta no dia 29 de setembro, em Boa Vista, 3 dias antes de ela ser ouvida em um processo no qual acusava Telm√°rio de estupro da filha do casal.

Ant√īnia foi assassinada ao sair de casa, quando foi abordada por um homem que perguntou o seu nome. ‚ÄúAo confirmar, ela foi atingida com um √ļnico tiro na cabe√ßa‚ÄĚ, informou a PCRR.

Pris√£o

No momento da prisão, Telmário Mota estava sozinho, em um carro. De acordo com os investigadores, ele não esboçou reação. Desde então, o ex-senador pelo PROS está sob custódia da Delegacia de Homicídio de Goiás.

‚ÄúDurante a a√ß√£o, na fazenda do ex-senador, a Pol√≠cia Civil prendeu em flagrante um caseiro que estava com uma espingarda em seu quarto, por posse ilegal de arma de fogo‚ÄĚ, informou a Pol√≠cia Civil de Roraima.

No local também foram apreendidos dinheiro, documentos, telefones celulares, Ipad, alvos de tiros e quatro projéteis que estavam fincados em uma árvore.

‚ÄúSegundo depoimentos dados √† Pol√≠cia Civil, dias antes do crime houve um treinamento de tiros nesta √°rvore, pelo executor do crime. Os proj√©teis apreendidos foram encaminhados ao ICPDA [Instituto de Criminal√≠stica Perito Dimas Almeida], para ser realizada compara√ß√£o bal√≠stica‚ÄĚ, detalhou a PCRR.

Ao anunciar a operação na segunda-feira, o delegado João Evangelista informou que Telmário Mota era suspeito de ser o mandante do crime, e que o executor teria sido Leandro Luz da Conceição, que foi encontrado e preso em Caracaraí (RR).

O sobrinho do ex-senador Harrison Nei Correa Mota, conhecido como Ney Mentira, segundo os investigadores, também teve prisão decretada por ter colaborado para a logística e para o planejamento do crime.

A operação está sendo conduzida sob coordenação do Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa em Boa Vista, Caracaraí e em Brasília.

A Agência Brasil aguarda posicionamento da defesa de Telmário Mota sobre o caso.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: Agência Brasil.

você pode gostar

Deixe um coment√°rio

Portal de Notícias 

Saiu no DF, Saiu aqui.

Escolhas dos editores

Artigos Mais Recentes