segunda-feira, dezembro 11, 2023
In√≠cio ¬Ľ IBGE reduz em 1,3% previs√£o de safra para este ano

IBGE reduz em 1,3% previs√£o de safra para este ano

Soja, arroz e milho leveram ao recuo na estimativa

por Ricardo Souza
0 Coment√°rio

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estat√≠stica (IBGE) divulgou hoje (9) uma nova previs√£o para a safra de cereais, leguminosas e oleaginosas para este ano. O Levantamento Sistem√°tico da Produ√ß√£o Agr√≠cola (LSPA), realizado em fevereiro deste ano, estimou produ√ß√£o de 298 milh√Ķes de toneladas este ano.

A previs√£o √© 1,3% menor (ou 3,9 milh√Ķes de toneladas a menos) do que aquela estimada na pesquisa anterior, de janeiro. A redu√ß√£o deve-se principalmente √† estiagem provocada pela La Ni√Īa, no Rio Grande do Sul, terceiro maior produtor de gr√£os do pa√≠s, de acordo com o IBGE.

Apesar disso, a safra deste ano deve ser 13,3% superior (34,9 milh√Ķes de toneladas a mais) √† observada no ano passado.

O recuo de janeiro para fevereiro deve-se principalmente √† redu√ß√£o das previs√Ķes nas safras de soja (-1,7% em rela√ß√£o a janeiro), arroz (-2,5%), milho 1¬™ safra (-2,5%) e milho 2¬™ safra (-0,4%).

Mesmo com os ajustes na previs√£o, esperam-se aumentos, em rela√ß√£o a 2022, nas safras de soja (21,3%), milho (10,2%) e algod√£o herb√°ceo (1,4%). ‚ÄúA safra [de 298 milh√Ķes de toneladas] √© recorde na s√©rie hist√≥rica do IBGE. As produ√ß√Ķes de soja e de milho tamb√©m s√£o recorde na s√©rie hist√≥rica‚ÄĚ, afirma o pesquisador do instituto, Carlos Barradas.

Por outro lado, s√£o esperadas quedas nas safras de lavouras como o arroz (-6%) e o trigo (-13,8%).

Em relação à área colhida, o IBGE estima crescimentos, em relação ao ano passado, nos cultivos de soja (4,8%), milho (4,1%) e algodão herbáceo (1,2%). São esperadas quedas nas áreas a serem colhidas nas lavouras de arroz (-5,8%) e de trigo (-2,8%).

Fonte: Agência Brasil.

você pode gostar

Deixe um coment√°rio

Portal de Notícias 

Saiu no DF, Saiu aqui.

Escolhas dos editores

Artigos Mais Recentes