quarta-feira, novembro 29, 2023
In√≠cio ¬Ľ Homossexual tem reserva no inferno’; fala de pastor durante evento de igreja evang√©lica em Bras√≠lia √© denunciada por deputado

Homossexual tem reserva no inferno’; fala de pastor durante evento de igreja evang√©lica em Bras√≠lia √© denunciada por deputado

Pronunciamento foi feito pelo pastor David Eldridge, dos EUA, em congresso promovido pela Assembleia de Deus

por Ricardo Souza
0 Coment√°rio

O deputado distrital F√°bio Felix (PSOL) afirmou, nesta ter√ßa-feira (21), que ir√° denunciar ao Minist√©rio P√ļblico do Distrito Federal (MPDFT) e √† Pol√≠cia Civil as falas homof√≥bicas do pastor David Eldridge, dos Estados Unidos, feitas durante um evento de uma igreja evang√©lica Assembleia de Deus, no domingo (19), no Parque da Cidade, em Bras√≠lia.

Durante o encontro ‚Äď que teve apoio do governo do Distrito Federal ‚Äď o pastor disse aos fi√©is que todo homossexual, bissexual e transg√™nero “tem uma reserva no inferno” . O v√≠deo da prega√ß√£o foi divulgado no canal do YouTube do Congresso Geral da Uni√£o de Mocidades das Assembleias de Deus de Bras√≠lia (UMADEB).

No entanto, na manh√£ desta quarta-feira (22), o trecho questionado pelo parlamentar havia sido cortado da grava√ß√£o. O g1 fez contato com a igreja Assembleia de Deus, respons√°vel pelo congresso, mas n√£o obteve retorno at√© a √ļltima atualiza√ß√£o desta reportagem.

Em uma rede social, o distrital F√°bio Felix afirmou que “discurso de √≥dio n√£o √© liberdade religiosa. √Č crime”.

“A LGBTfobia n√£o pode ser relativizada e t√£o pouco promovida pelo poder p√ļblico. O que se v√™ nessas imagens √© o derramamento de combust√≠vel pro √≥dio constante que faz com que LGBTI+ sejam agredidos fisicamente e assassinados todos os dias”, disse o parlamentar.

A reportagem tamb√©m questionou o GDF, que aparece como parceiro do evento, e o Minist√©rio P√ļblico do DF. Mas n√£o houve resposta.

Apesar do trecho não estar mais disponível no canal oficial do evento, o deputado distrital Fábio Felix manteve o registro em uma postagem na sua rede social

“Todo homossexual tem uma reserva no inferno, toda l√©sbica tem uma reserva no inferno, toda transg√™nero tem uma reserva no inferno, todo bissexual tem uma reserva no inferno, toda drag queen e prostituta tem reserva no inferno”, diz o pastor.

Em p√©, o p√ļblico gritou em apoio √†s falas. Em seguida, o pastor chamou a aten√ß√£o de um homem na plateia que vestia uma “cal√ßa apertada”. Segundo David Eldridge, a pe√ßa de roupa √© o “esp√≠rito do homossexual” e, por isso, ele tamb√©m iria para o “inferno”.

Em outro trecho, ainda dispon√≠vel na internet, o pastor estadunidense David Eldridge afirma que aqueles que consumem pornografia, que tiram proveito de meninos e meninas, que assistem programas de televis√£o com conte√ļdo sexual tamb√©m est√£o “fazendo reservas no inferno”.

Eldridge disse ainda que “adora vir ao Brasil”, mas que toda vez que chega no pa√≠s sente a presen√ßa do Esp√≠rito Santo que diz, “David, fala para o Brasil que existe inferno, salve-os de ir para o inferno”.

Em 17 de maio de 1990, a Organiza√ß√£o Mundial da Sa√ļde (OMS) excluiu a homossexualidade da classifica√ß√£o de doen√ßas, ou problemas relacionados √† sa√ļde. Desde ent√£o, o 17 de maio foi escolhido como s√≠mbolo de luta pela diversidade sexual, contra a viol√™ncia e preconceito.

E 2019, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu permitir a criminalização da homotransfobia. Os ministros consideraram que atos preconceituosos contra homossexuais e transexuais devem ser enquadrados no crime de racismo.

Conforme a decis√£o da Corte:

  • “Praticar, induzir ou incitar a discrimina√ß√£o ou preconceito” em raz√£o da orienta√ß√£o sexual da pessoa poder√° ser considerado crime;
  • A pena ser√° de um a tr√™s anos, al√©m de multa;
  • Se houver divulga√ß√£o ampla de ato homof√≥bico em meios de comunica√ß√£o, como publica√ß√£o em rede social, a pena ser√° de dois a cinco anos, al√©m de multa;
  • A aplica√ß√£o da pena de racismo valer√° at√© o Congresso Nacional aprovar uma lei sobre o tema.

você pode gostar

Deixe um coment√°rio

Portal de Notícias 

Saiu no DF, Saiu aqui.

Escolhas dos editores

Artigos Mais Recentes